BNDES anuncia medidas para mitigar os impactos econômicos do Coronavírus

0
54

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) anunciou hoje (22/03), em transmissão via internet, medidas emergenciais, no valor de R$ 55 bilhões, para mitigar os impactos causados pela pandemia do novo coronavírus na economia e na sociedade brasileiras.

Segundo o presidente do BNDES, Gustavo Montezano, trata-se de medidas transversais que atenderão todos os segmentos da economia e que injetarão liquidez no sistema financeiro. Nos próximos dias deverão ser anunciadas mais medidas para atender segmentos específicos da economia, dentre os quais turismo, transporte aéreo, bares e restaurante.

O Governo Federal pretende auxiliar 150 mil empresas e contribuir com a manutenção de mais de 2 milhões de empregos. Para isto, foram apresentadas 4 medidas:

  • Transferência de 20 bilhões de reais do PIS/Pasep para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), a serem sacados pelos trabalhadores, conforme determinações do Ministério da Economia;
  • Ampliação do crédito para micro, pequenas e médias empresas, no total de R$ 5 bilhões. Previsto ainda aumento do limite máximo de crédito, passando de 10 milhões de reais para 70 milhões de reais por cliente;
  • Suspensão por 6 meses dos pagamentos de empréstimos indiretos para empresas, no total de R$ 11 bilhões.
  • Suspensão por 6 meses dos pagamentos de empréstimos diretos para empresas, no total de R$ 19 bilhões.

As medidas de novos recursos para crédito e suspensão de pagamento de empréstimos estão entre os pleitos realizados pela CNT para conter os impactos negativos da crise da COVID-19 sobre as empresas de transporte.

Para acessar a coletiva de imprensa do presidente do BNDES, clique aqui.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here